sexta-feira, 14 de maio de 2010

Procrastinar e Postergar


Airton Soares

A forma verbal procrastinar, quase sempre é confundida com a forma verbal postergar. Ambas denotam preterição, mas não são formas sinônimas.

Vamos à etimologia:
Procrastinar: PRO [latim] = A favor.
Ex. Precisamos analisar os prós e os contras, não é assim que se diz?

E CRAS [latim]= o dia seguinte. Por isso, o procrastinador está sempre deixando as tarefas para o dia seguinte. E postergar? É aquele sujeito que sempre deixa as tarefas para depois. Depois eu faço isso, depois eu faço aquilo. Ou seja, tudo será resolvido na posteridade.

No frigir dos ovos, podemos dizer que procrastinar e postergar são gêmeos quase univitelinos. Mas se tivermos de escolher o melhor comportamento, o procrastinador seria o eleito, pois como foi dito, ele sempre deixa as tarefas para realizar no dia seguinte, enquanto que o seu “irmão” é um eterno indefinido.

2 comentários:

  1. Muito boa esta sua definição e a forma clara como coloca sobre procrastinação.
    Boa sorte.

    ResponderExcluir